19 de abril de 2015

Estudo revela que 98% dos americanos acreditam que todos os países têm acesso livre a Bíblia




Estudo revela que 98% dos americanos acreditam que todos os países têm acesso livre a Bíblia

Cerca de 6.901 línguas são ativamente consideradas como línguas oficiais entre os países, mas apenas 531 têm tradução completa da Bíblia
Ainda que o cristianismo seja a religião que mais sofre perseguição no mundo, muitas pessoas não consideram essa realidade. A Sociedade Bíblica Americana constatou que 98% dos norte-americanos acreditam que cada pessoa no mundo tem liberdade de possuir e ler uma Bíblia.
Sete em cada 10 americanos acreditam que a Bíblia está atualmente disponível em todas as línguas do mundo. Apenas 21% dos entrevistados reconhecem que ainda existem línguas no mundo sem a tradução da Bíblia, de acordo com uma pesquisa desenvolvida pelo Barna Group.
"88% dos lares americanos possuem pelo menos uma Bíblia", disse Geof Morin, vice-presidente da Sociedade Bíblica Americana. "Infelizmente, muitos ao redor do mundo não tem esta mesma oportunidade. Enquanto a esmagadora maioria dos americanos têm acesso à Bíblia em sua língua nativa, o mesmo não pode ser dito para muitos no resto do mundo."
Cerca de 6.901 línguas são ativamente consideradas ??como línguas oficiais entre os países, mas apenas 531 têm tradução completa da Bíblia. A tradução da Bíblia está em andamento em 2.195 idiomas, mas outros 1.859 permanecem intocados.
Além destes obstáculos, "há muitas razões para que milhões ainda estejam sem acesso à Bíblia – desde a guerra e opressão política até a pobreza e o analfabetismo", disse Morin. "É por isso que a Sociedade Bíblica Americana está trabalhando para ver 100% das línguas ativas do mundo com a Bíblia traduzida, e 100 milhões de pessoas nos Estados Unidos ativamente engajadas com as Escrituras. Essa visão é chamada de 100/100."