29 de abril de 2015

Bebê sobrevive após passar 22 horas soterrado no Nepal




Bebê sobrevive após passar 22 horas soterrado no Nepal

Sonit Awal, de apenas 4 meses, foi resgatado na cidade de Bhaktapur, no Vale de Katmandu
Um bebê foi resgatado após ficar soterrado cerca de 22 horas sob os escombros de uma construção no Nepal depois de o local ter sido atingido por um terremoto, no último sábado. Segundo informações da agência CNN, o menino, de apenas 4 meses, foi avaliado por médicos e, segundo avaliações premilinares, passa bem, sem ter sofrido danos nos órgãos internos.
O site local Kathmandu Today informou que o resgate foi feito por militares do exército nepalês, que já tinha haviam deixado o local por não acreditaram na existência de sobreviventes no perímetro. No entanto, horas depois, choros do bebê foram ouvidos e o trabalho para salvá-lo começou.
O site divulgou fotografias que mostram o momento da ação. Ainda não há informações sobre parentes do menino e qual o paradeiro dele após o resgate.
Segundo o último balanço divulgado pelo Ministério do Interior do Nepal, o número de mortos pelo terremoto já superou os 5 mil e o de feridos chegou a 11 mil. Porém, outros salvamentos dramáticos foram destaque na mídia internacional nos últimos dias.
Rishi Khanal, de 28 anos, foi resgatado por uma equipe de franceses e pela polícia nepalesa, que trabalharam durante 10 horas para libertar o jovem. Ele ficou 82 horas soterrado depois do desabamento de um edifício em Katmandu.
Em outro resgate, na última segunda-feira, uma paraplégica, de 32 anos, foi salva depois de passar 50 horas sob os escombros de sua própria casa, também em Katmandu.
O terremoto de magnitude 7,8 graus que devastou o Nepal. O trabalho de resgate ainda acontece em diversos ponto do local.