17 de março de 2015

Músicos tentam silenciar pastor que pregava contra a homossexualidade, na Austrália




Músicos tentam silenciar pastor que pregava contra a homossexualidade, na Austrália

Axel Winter reuniu seus amigos de banda e armou uma estrutura com caixas de som e violão para abafar a voz do pastor

No início de março, um músico australiano publicou um vídeo em seu canal do Youtube, no qual mostrava ele e sua banda tentando "calar" a pregação de um evangelista de rua, que se posicionava contra o homossexualismo, em Sidney.
Axel Winter reuniu seus amigos de banda e armou uma estrutura com caixas de som e violão para abafar a voz do pastor que pregava sobre os degraus de uma pequena escada, no conhecido centro comercial de Pitt Street Mall.
Na descrição do vídeo, Axel classificou o pastor como um homem "negativo" e "disseminador da propaganda anti-gay".
Apesar do empenho da banda, o pastor pareceu não se intimidar e continuou sua pregação.
Polêmica
O vídeo tem levantado questões sobre limites entre a liberdade de expressão, homofobia e religão.
Alguns têm elogiado a banda pela forma "pacífica" como protestou contra uma atitude do pastor, com a qual não concordava. Porém outros têm considerado a iniciativa de Axel, um tipo de invasão e tentativa de tirar uma liberdade que confere ao pastor, considerando as crenças e princípios cristãos deste.