17 de março de 2015

Ex-guerrilheiro se converte na Colômbia e sofre ameaças




Ex-guerrilheiro se converte na Colômbia e sofre ameaças


País é o 35º país na Classificação da Perseguição Religiosa 2015

Quando um ex-guerrilheiro, pai de Felipe*, de 17 anos, se converteu a Jesus Cristo, a sua vida e a de sua família mudou. A guerrilha voltou-se contra o pai de Felipe e começou a ameaçá-lo. Leia o relato de ambos a seguir.
O pai do adolescente conta: "Eu não tive e ainda não tenho medo por mim, mas os meus filhos podem ser sequestrados pela guerrilha. Sofro por não ter meus filhos comigo, mas é mais seguro para eles." O Centro Infantil sustentado pela Portas Abertas na Colômbia se despediu de mais seis formandos, no final do ano passado. Um deles foi Felipe.
Mais de quatro anos atrás, ele e sua irmã foram para o Centro Infantil. "Sou grato por este tempo. Eu mudei muito. Aqui, aprendi a servir e a ter respeito pelos outros. Antes de vir para cá, eu era muito mal educado. Meu sonho é estudar administração de empresas e usar isso para levar a mensagem de Deus aos outros. Mas eu não sei se isso é possível, porque os estudos são caros. Sonho que a Colômbia, meu país, encontre Jesus, porque por meio dele alcançamos a verdadeira paz.".
A Colômbia é o 35º país na Classificação da Perseguição Religiosa. Conheça mais sobre o que a situação da igreja no país.
Leia também
Famílias cristãs falam sobre o cotidiano de perseguição na Colômbia
*Nome alterado por motivos de segurança.