21 de maio de 2013

Grávida sofre assalto que termina com perseguição e tiros no Rio

Uma mulher grávida de sete meses foi assaltada na noite desta segunda-feira (20), em frente à casa dos pais, em Jacarepaguá, na Zona Oeste do Rio. Ela estava com a filha de cinco anos, quando foi abordada por um criminoso, conforme mostrou o Bom Dia Rio desta terça-feira (21).
“Ele falou ‘tira a criança, tira a criança’. Rapidamente eu tirei, arrastei a minha filha. Ele estava muito nervoso, muito agitado, estava vindo polícia na direção contrária e ele bateu com o vidro muito agitado”, contou a empresária Vanessa Alves, que correu para o banco de trás para retirar a criança, que dormia na cadeirinha.
No assalto, o criminoso levou o carro de Vanessa e ao passar em alta velocidade pela Cidade de Deus, chamou a atenção da polícia, que perseguiu o veículo e trocou tiros com o suspeito. O caso foi registrado na Delegacia Especializada de Atendimento à Mulher (DEAM).
"Quando eu ouvi uma terceira voz e ela parou de falar comigo e falou 'filha, acorda' eu falei 'amor o que está acontecendo' e ela não respondia, ela desligou e uns sete minutos depois ela me ligou e me disse que o carro tinha sido recuperado", descreveu o marido de Vanessa, o também empresário Eduardo Alves da Silva.
O criminoso abandonou o carro em um posto de gasolina na região, correu por uma via e se pendurou em outro veículo que passava no local para escapar. Durante a fuga, deixou o revólver, calibre 38 cair. A arma estava carregada e com a numeração raspada.