26 de abril de 2013



Petrobras tem lucro de R$ 7,693 bilhões 



no 1º trimestre, queda de 17%


Resultado foi afetado pela queda na produção de petróleo no período.
No 1º trimestre de 2012, companhia registrou lucro líquido de R$ 9,2 bi.


A companhia atribuiu o resultado do 1º trimestre à queda na produção de petróleo e às maiores despesas com tributação sobre o lucro.
"Conforme já havíamos antecipado, houve queda na produção de petróleo no 1T13 (4% ante o 4T12). E, como já divulgado em nosso Plano de Negócios e Gestão 2013-2017, a produção de óleo e gás natural no Brasil em 2013 deve ficar estável em relação a 2012, tendo menor patamar no primeiro semestre pela concentração de paradas para manutenção", destacou em comunicado a presidente da Petrobras, Maria das Graças Silva Foster.
Segundo a companhia, a perspectiva, porém, é de crescimento da produção de óleo e gás da Petrobras, com o início da operação de 2 unidades nesse trimestre, os FPSO Cidade de São Paulo e Cidade de Itajaí.

"A melhora do nosso fluxo de caixa não deve ocorrer somente em função de aumentos de preços, mas também de nossa eficiência operacional e da busca pela excelência em custos", disse Graça Foster.
A receita de vendas da Petrobras no 1º trimestre somou R$ 72.535 bilhões, alta de 10% na comparação com o 1º trimestre de 2012.
O Ebitda  (lucro antes de juros, impostos, depreciação e amortização) ajustado caiu 2% no trimestre para R$ 16,231 bilhões
.