26 de março de 2013


Mulher presa cobrava R$ 3,5 mil por aborto

A polícia estourou uma clínica de aborto clandestina na Grande São Paulo. O procedimento era realizado por uma mulher, que cobrava R$ 3,5 mil por paciente.
A mulher foi flagrada pela polícia na clínica clandestina e confessou aos investigadores que realizava abortos no local. Os oficiais também apreenderam diversos remédios abortivos.

Outra mulher que estava no local para se consultar com a suspeita também foi levada pela polícia para depor.