21 de março de 2013


Conselho Tutelar vistoria casa após pai postar no Facebook foto de filho com rifle

O Conselho Tutelar do Estado de Nova Jersey, nos Estados Unidos, visitou a casa de Shawn Moore na última sexta-feira (15) após ele postar no Facebook a foto de seu filho Josh com um suposto rifle de assalto que teria ganhado de presente pelo seu 11º aniversário.
De acordo com os Moore, funcionários do departamento teriam exigido entrar na residência para inspecionar as armas do local, inclusive o suposto rifle que, segundo o pai, é um cópia do original. Na foto publicada por Shawn em sua página na rede social, o filho aparece com roupa de camuflagem militar empunhando a arma calibre 22.
Shawn estava na rua quando sua mulher ligou e avisou que agentes do Conselho Tutelar estavam em casa com quatro policiais para inspecionar as armas da família. Ele se justificou dizendo que deu a arma de presente ao filho para caçar em viagens.
A agência de notícias AP procurou o Conselho Tutelar, que não quis comentar o caso, mas disse que geralmente segue dicas e pistas. A família e um advogado disseram que os direitos de Shaw, baseado na Segunda Emenda da Constituição dos Estados Unidos - que permite a posse de armas, teriam sido violados.
Ainda segundo eles, Nova Jersey é um dos Estados que já tem umas das leis mais rígidas em relação a armas e que tem sido cada vez mais endurecidas após o massacre da escola primária Sandy Hook, em Connecticut, que deixou mais de 20 crianças mortas. (Com AP)